A organização e o reaproveitamento de roupas


Quando um closet passa por um processo de organização, é bastante frequente encontrarmos uma quantidade considerável de roupas fora de uso. Algumas, porque não estão mais na moda. Outras, porque a pessoa envolvida cansou de usá-las. Outras ainda, porque necessitam de algum conserto. Essa questão acaba virando um círculo vicioso: as peças não são doadas porque ainda têm valor emocional para essa pessoa, mas também não são usadas porque necessitam de uma intervenção, que, na prática, nunca acontece.

Certamente, várias peças abandonadas no fundo dos armários poderiam ser reaproveitadas, se fossem revitalizadas, consertadas e customizadas. Este é o tema de hoje.

Linha, agulha e tesoura

Há algum tempo, eu escrevi um post aqui no blog, dizendo que você deve ter um marceneiro de confiança e expliquei o porquê. Se quiser ler ou relembrar, clique aqui. Do mesmo modo, eu sugiro que você tenha uma costureira de sua confiança para pequenos consertos. 

Quando eu trabalhava no mundo corporativo, eu e minhas colegas mantínhamos o "setor de desenvolvimento de novos fornecedores": sempre que uma de nós descobria algum prestador de serviços eficiente, indicava para a outra. Assim, artigos como roupas, calçados e móveis, entre outros, recebiam cuidados diferenciados com "indicação aprovada e rígido controle de qualidade". 

Máquina de costura Singer

Peça a suas amigas indicações de profissionais que elas conheçam. Solicite informações no comércio. Algumas costureiras que trabalham para as lojas são terceirizadas. Elas também prestam serviço a particulares. Com a ajuda de uma profissional, você conseguirá recuperar e revitalizar várias peças de seu acervo.

Roupa reformada

Serviços que podem ser executados:

Transformação

Uma peça antiga pode se transformar em outra com nova modelagem. Por exemplo, uma calça pode virar uma bermuda, uma camisa pode virar uma regata.

Customização 

É possível personalizar uma peça a seu gosto, acrescentando a ela detalhes diferenciados, como botões, bordados, rendas, pintura, etc.

Conserto

Ajustar roupas largas, encurtar roupas longas, trocar zíperes estragados, pregar botões soltos, refazer costuras desfeitas são tarefas necessárias para quem valoriza suas roupas.

Faz sentido, não acha?

E não deixe de passar adiante todas as peças que não lhe agradarem. Elas serão importantes para outras pessoas. Doar faz parte do  fluxo de energia vital. Já falei sobre isso por aqui...

Eu espero que você se inspire e faça uma análise minuciosa no seu closet, para verificar o que poder ser reaproveitado e o que pode ser doado. O saldo será positivo.

Também não esqueça de compartilhar este post com outras pessoas que possam se interessar pelo assunto.

Beijos.

0 comentários. Comente também :

Postar um comentário



Google+ Followers

Fique por dentro das novidades

Cadastre seu endereço de email e receba diretamente todas novidades!

Termos de uso


O compartilhamento de conteúdo autoral do blog é permitido, desde que esteja acompanhado do nome da autora - Sonia Hecher, Personal Organizer e do nome do blog www.ambienteorganizado.com.br em local visível.

Segundo a Lei 9.610/98, a violação de direitos autorais é crime previsto no Artigo 184 do Código Penal.

Saiba mais sobre os Termos de uso e a Política de privacidade do Blog Ambiente Organizado.